Um filme que pode te lembrar um pouco da automação residencial que certamente que eu você já assistimos o filme o homem de ferro. 

No filme Tony Stark tem um assistente chamado Jarvis, Jarvis nada mais é do que um assistente virtual criado em inteligência artificial que obedece todos os comandos dados por Tony.

Claro que hoje ainda não temos tecnologia para disponibilizar um Jarvis igual o do filme, contudo já temos assistentes virtuais bem evoluídos capazes de fazer coisas bem interessantes.

Se você chegou até aqui é porque conhecer um pouco mais sobre automação residencial, preço, coisas que possam ser automatizadas entre outros.

Afinal é muito interessante ter uma casa inteligente não é mesmo? Imagine você dando um comando de voz e o assistente virtual obedecendo o que você pediu.

Quem tem filho geralmente manda ele acender ou apagar a luz, rs. Com um assistente virtual e dispositivos inteligente quem não tem filho também vai poder fazer sem sair do lugar.

Interessante não é mesmo? Continue lendo e você irá ver tudo que é possível automatizar.

Também irá conhecer os assistentes que estão disponíveis e estáveis no mercado.

Smart Home Reprodução harakis.com

Smart Home Reprodução harakis.com

 

O que é automação residencial?

Em algum momento você já deve ter ouvido falar sobre automação residencial, casa inteligente ou até mesmo o termo mais comum utilizado IOT internet das coisas.

Também conhecida pelo termo mais técnico como domótica que une a doméstica e a robótica, mas vamos chamar de automação residencial e casa inteligente.

A idéia de controlar dispositivos de forma inteligente não é nova. Podemos citar que, em 1894, o sérvio naturalizado estadunidense Nikola Tesla demonstrou os primeiros experimentos de comunicação sem fio. Em 1898, ele apresentou um pequeno barco controlado por rádio, equipamento que deu origem ao primeiro Controle Remoto. Referência do livro Domótica – Automação residencial e casas inteligentes de Sérgio L. Stefan e Felipe A. Farinelli.

Mas o que isso tem a ver com automação residencial? É o princípio de ter o controle centralizado no celular ou até mesmo na assistente virtual, como o Jarvis.

Com automação e dispositivos você irá automatizar os recursos da sua casa, como por exemplo, apagar ou acender uma luz sem precisar sair do sofá. Monitorar uma câmera ou ligar um alarme.

Existem infinidades de oportunidades e possibilidades e tornar sua casa inteligente é fazer com que a sua casa obedeça os comandos diretamente da palma da sua mão ou através da sua assistente virtual.

Motivos para fazer uma automação residencial

O principal motivo para você ter uma casa inteligente com automação residencial é você poder efetuar o controle de toda sua casa de qualquer lugar.

Economia é outro fator importante, você controlando a iluminação ou até mesmo os aparelhos que estão dentro da sua casa podendo ligar e desligar a distância, fará com que você administre melhor a sua conta de energia.

Isso pode ser justificado com o simples olhar no celular e ver aquela luz que você esqueceu de apagar e que poderia ter gastado energia a noite toda.

Ou até mesmo saiu atrasado para o trabalho e esqueceu de desligar um ar condicionado. 

Segurança, poder controlar o portão e as câmeras dão mais segurança, pois você não precisa sair de dentro de casa para checar alguma coisa estranha.

Então basicamente resumindo os motivos é segurança, conforto e automatização.

smart home system collection bulb camera

smart home system collection bulb camera

 

Assistentes virtuais para uma casa inteligente

As 3 gigantes da tecnologia Apple, Amazon e Google, disponibilizam alguns dispositivos como assistente virtual. 

Qual escolher? Essa é uma pergunta muito difícil, vai muito da empresa que vai fazer automação para você. 

Na minha opinião que dentro das 3 empresas a Google é a que mais deve ter compatibilidade com os dispositivos tanto de celular quanto dos sensores e controladores.

O nome dos assistentes virtuais são: Google Home, Apple HomePod e Amazon Alexa (Echo Dot).

Existem outras assistentes que não tem dispositivos como a Cortana da Microsoft e a Bixby da Samsung. São assistentes embarcadas no sistema operacional do computador ou do celular.

Google Home Assistente

Google Home Assistente

 

Cuidados que você deve ter

Você deve ter muito cuidado ao fazer a sua automação residencial. Todo cuidado é pouco e tudo que você não quer é que a sua segurança seja comprometida não é mesmo?

Antes de começar a tornar a sua casa inteligente você deve procurar os profissionais certos que sabem o que estão fazendo.

Cuidado com o que pode ser barato e nem tudo que é barato é seguro. Existem muitos dispositivos de baixo custo que podem te colocar em risco.

Tudo o que você não quer é uma manchete dessas igual do Gobo: Estranho hackeia babá eletrônica à noite e grita: ‘Acorda, neném!’.

Uma falha de segurança pode expor toda sua família então todo cuidado é pouco. A empresa contratada para fazer a automação deve ser confiável, procure referências.

A Google é uma empresa que preza pela segurança do usuário, ela tem dispositivos de segurança que podem ser colocado junto a internet da sua casa. Nada mais é do que um firewall e se chama “Google wifi smart home”.

O firewall tem a finalidade de bloquear que estranhos invadam a sua rede e monitore seus computadores, televisores e celulares.

automação residencial segurança

automação residencial segurança

Quanto custa para fazer automação residencial?

Uma coisa eu posso afirmar, se você acha que vai conseguir economizar este luxo não é pra você. Não por conta dos profissionais que instalam, mas muito pela tecnologia.

Os equipamentos bons relativamente custam mais caros e como mencionei no tópico anterior cuidado para não economizar e comprometer a sua segurança.

Algumas empresas podem oferecer pacotes para controle de luzes, portões e câmeras iniciando em R$ 6000,00. 

Entretanto o preço pode aumentar consideravelmente se você deseja incluir TV’s, ar condicionados, persianas, entre outros.

Existem projetos que passam de R$ 50.000,00. Mas você também pode fazer algumas coisas mais simples para dar mais conforto como câmeras e portões.

Você pode ir incrementando os seus aparelhos conforme vai sobrando uma grana.

Hoje infelizmente as coisas não estão fáceis, mas a tendência é que os dispositivos vão ficando cada vez mais baratos com a popularização.

Inicialmente era muito mais caro ter um dispositivo desses o que dificultava ainda mais ter uma casa inteligente.

Veja o vídeo abaixo, demonstração de alguns assistentes virtuais trabalhando com sistemas de casa inteligentes:

 

Se você gostou deixe um comentário ou compartilhe com seus amigos.

Veja também dicas de decoração clicando aqui.

Grande abraço